segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Desistir






Desistir não é pecado
nem tão pouco uma fraqueza,
insistir em ficar ao lado
de quem te deixa isolado
isso sim, uma tristeza;

Amar também é deixar partir
por mais que possa doer,
a porta da gaiola abrir
sair quem tem de sair
para voltar a viver;

O amor não é prisão
e amar é libertar,
não há grades no coração
persistir numa ilusão
é sofrimento a evitar;

Tantas vezes ao voar
sem correntes nem algemado,
acaba por constatar
que o certo é regressar,
que seu lugar é a teu lado.


Malik

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.