quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Guarda-jóias






Mais um ano decorrido
mais um tempo que se vai,
a memória não se esvai
guardará o colorido;

Em guarda-jóias fechado
protegidas de olhares,
imagens são aos milhares
conservando esse passado;

Quando bate a nostalgia
na porta do meu presente,
num instante, num repente
vou lá buscar alegria;

Não há roseiras sem rosas
nem rosas há sem espinhos,
o menos bom dos caminhos
eu entendi como provas;

Do quintal fiz um jardim
onde semeei amor,
não receio qualquer dor
nem o fogo que há em mim;

Outro ano a começar
coisas novas a fazer,
renascendo o meu viver
com a força de amar.


Malik

2 comentários:

  1. Que seja um ano de renascimento, de guardar os momentos bons do passado, pois eles fazem parte de ti e serão sempre jóias raras no teu coração. Nada nem ninguém os pode substituir.
    Feliz 2017.

    ResponderEliminar
  2. Obrigado pelas tuas palavras!
    Feliz 2017, que seja um ano de realização!
    Beijos.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.